Co-marketing: descubra como implementar essa estratégia em sua empresa

Co-marketing: descubra como implementar essa estratégia em sua empresa

Um dos principais objetivos de qualquer estratégia de marketing é agregar mais valor e gerar mais receita, qualquer que seja a proposta. Por isso o Co-marketing está entre as formas mais populares e eficazes de alcançar um sucesso rentável e valioso e criar laços com outros estabelecimentos, ampliando as oportunidades. 

Seguindo o dito popular, em que “duas cabeças pensam melhor que uma”, muitos executivos corporativos descobrem que o valor, a experiência e os recursos de duas empresas podem se combinar, e assim criar algo maior para oferecer aos consumidores e se destacarem no mercado.

O que é o co-marketing?

As estratégias que envolvem o co-marketing tratam da união entre duas empresas que buscam realizar esforços promocionais conjuntos, como uma verdadeira equipe dentro do mercado consumidor. 

A parceria, dessa forma, resulta em conteúdo ou produtos de alta qualidade que promovem os dois negócios envolvidos. 

Os resultados podem variar de embalagens especiais a produtos completamente novos, ou mesmo promoções especiais.

Por exemplo, pode haver uma empresa que produz e vende fritadeira a gás, enquanto outra que trabalha com produtos alimentícios propícios para estabelecimentos comerciais como bares, restaurantes e lanchonetes. 

As duas marcas podem se unir para vender uma linha especial de fritadeiras que são ideais em tamanho e alcance de temperatura para o preparo dos alimentos. 

Isso pode ser trabalhado em um co-marketing eficaz para aumento da venda de ambas até por meio de demonstrações. 

Por que o co-marketing funciona?

Fazer uma marca online de sucesso é encontrar o nicho e se conectar com um público. 

Assim, criar uma parceria por meio do co-marketing com negócios diversos e que se relacionam ao seu, como uma produtoras de filmes, pode ajudar ambas as empresas, pois permite explorar um novo ângulo, atingindo públicos diversos e focados em necessidades específicas. 

Esse tipo de marketing é baseado em conectar duas empresas que vendem online, com cada uma delas promovendo os produtos e serviços da outra. 

Dessa forma, é possível destacar pontos de interesse em comum, entre os quais:

  • Capacidade de alcance de público do parceiro;
  • Maior presença online;
  • Mais backlinks;
  • Melhor impacto de SEO.

O resultado é que ambas as empresas acabam se beneficiando e lucrando com a ação. Para isso, as duas organizações podem criar e vender um produto ou oferecer um serviço em conjunto. 

De qualquer forma, as empresas trabalham juntas para comercializar novos produtos com o objetivo máximo de alcançar um público cada vez maior e melhorar a experiência junto às empresas.

Como implementar o co-marketing?

As empresas precisam escolher os parceiros certos para a formalização do co-marketing, tomando todo o cuidado para não haver complicações e manter as estratégias devidamente direcionadas e com foco na eficiência. 

Sendo assim, é preciso seguir alguns passos, como os apresentados a seguir:

  1. Aproveite eventos corporativos para se conectar

O primeiro passo para criar uma estratégia de co-marketing eficaz é participar de feiras e eventos corporativos, e assim encontrar empresas que pensam da mesma forma e tenham os mesmo ideais. 

Outra maneira de fazer isso é entrar em redes sociais e se conectar com pessoas que estão associadas ao setor em que se atua. 

Embora haja benefícios quanto ao uso da tecnologia, é importante fazer um networking pessoalmente, e assim descobrir se a empresa e os potenciais parceiros possuem afinidades reais.

  1. Entenda se a parceria faz algum sentido

Escolher o parceiro certo para um negócio empresarial é a parte mais delicada de todo o processo. 

Se tudo ocorrer bem, as outras partes de um plano devidamente elaborado podem se encaixar perfeitamente. Caso contrário, corre-se o risco de perder tempo e dinheiro em um projeto que não sairá do papel. 

Sendo assim, antes de decidir seguir em frente com uma estratégia de co-marketing, é preciso verificar se há sintonia entre as áreas e benefícios mútuos.

Ou seja, é possível criar conteúdo com eficiência junto a uma parceria de negócios, como é o caso de portaria remota com gestão condominial. 

Isso significa que é preciso ter certo envolvimento ou familiaridade de público ou para o potencial da ação, tornando-a mais qualificada. Também é neste ponto que deve-se avaliar a compatibilidade de valores e ideias, e assim aliviar qualquer atrito entre as duas empresas. 

A reputação também é um ponto que precisa ser levantado, pois é preciso se beneficiar, e não se prejudicar, perante o mercado consumidor. 

A ideia aqui é obter habilidades e conhecimentos que ajudem ambas as partes. Depois disso, é preciso considerar se o conteúdo resultante beneficia a colaboração com todo o potencial apresentado pelas duas empresas e também o público.

Ou seja, identificar se há públicos semelhantes o suficiente para criar uma conexão dentro de todo o esforço de marketing colaborativo e, assim, criar leads, ou seja, potenciais clientes, mais tangíveis para os negócios envolvidos. 

  1. Defina papéis e expectativas

Ao encontrar uma empresa parceira, é preciso definir as funções de cada uma e alinhar as expectativas, deixando-as claras a ponto de entender o que se pretende alcançar e o papel de cada uma. 

Esse passo envolve a discussão de prazos, custos e responsabilidades sobre os mais diversos aspectos relacionados ao projeto. 

Também é essencial definir quais os objetivos para cada parte envolvida no co-marketing. Todas as colaborações exigem dar e receber, e ambos os lados devem estar cientes das metas do outro.

  1. Desenvolva ideias de co-marketing apropriadas

É chegada a hora de detalhar o plano e criar uma estratégia, seja ela de conteúdo, produto ou ofertas, que seja realmente tangível. 

Nesse ponto é preciso considerar os objetivos compartilhados e escolher qual o tipo de marketing melhor se adapta ao compromisso assumido e objetivo dos negócios.

Isso pode incluir diferentes processos, entre os quais:

  • Distribuição de e-books;
  • Postagens no blog parceiro;
  • Vídeos e podcasts conjuntos;
  • Webinars. 

Cada um desses diferentes tipos de conteúdo, entre outros, como uma newsletter sobre varicocele tratamento ou um e-commerce compartilhado, alcançará um objetivo ligeiramente diferente.

Sendo assim, é importante adaptar o conteúdo à combinação de habilidades e objetivos entre os dois parceiros. 

  1. É preciso conhecer o público-alvo

Conhecer o próprio público e o do parceiro é parte fundamental da criação e desenvolvimento de uma proposta de co-marketing. 

O público de duas empresas diferentes nem sempre é o mesmo, e por isso é importante que se conheça e seja encontrado um compromisso em comum. 

Assim, é preciso que tenham interesses semelhantes, mas agreguem novos potenciais consumidores que não seriam alcançados de outras formas.

Escrever para um público que se interessa por corrimão de inox para escada, por exemplo, pode ser difícil o suficiente sem ter que negociar os requisitos de outrem, por isso é importante que se pense, de forma cuidadosa, como os dois se encaixam. 

Dessa forma, é preciso criar e compartilhar personas de marketing, ou seja, a criação de um personagem fictício, que se apresenta como a personificação de um lead ideal para ambas. 

Ele percorre todas as duas empresas, com situação e função de trabalho, considerando por que está interessado em um produto e quais os motivos que podem ou não ser usados para decidir pela compra.

Alcançar o compartilhamento das personas torna possível garantir que o material de marketing seja direcionado, de maneira adequada, para ambos os personagens, agregando vantagens a ambos os negócios. 

  1. Realize eventos locais direcionados

Com duas empresas envolvidas em um mesmo cenário proposto pelo co-marketing, é fato que há o dobro de recursos. 

Isso significa que o orçamento disponível pode ser dobrado, possibilitando um investimento maior para divulgação de conteúdo sobre uma empresa de portaria, pensando em mais clientes e parceiros que podem estar interessados nas marcas, nos produtos e nos serviços, independentemente de quais sejam.

Em suma, com projetos de co-marketing há mais espaço para a geração de buzz e entusiasmo sobre o projeto, visto que diferentes audiências os compartilharão – por exemplo.

De acordo com o tamanho da tarefa, pode ser essencial a organização de um evento, ou mesmo um lançamento para reunir as pessoas e promover os trabalhos desenvolvidos. 

Esse passo determina a reunião de palestrantes e parceiros, e assim apresenta para os clientes formais e os leads – que podem aumentar o interesse pelo material/produto. 

No caso do co-marketing, são apresentadas oportunidades diversas, como a divisão do planejamento, a logística, o custo do evento e, assim, desperta-se o interesse real entre as pessoas dentro das respectivas redes. 

  1. Guest blog e compartilhamento de custos

Sob o aspecto do marketing digital, uma ação benéfica e que também pode ser entendida como co-marketing (em alguns aspectos) está o guest blog.

O Guest post refere-se ao desenvolvimento de conteúdo para uma página que, não necessariamente, está relacionada à empresa. Aqui o objetivo é trocar esse material com sites e blogs parceiros, criando uma relação entre dois portais/negócios.

Imagine que uma empresa cria um material dedicado a sua área mas deseja se relacionar com outros segmentos que compõem a área de atuação, como é o caso de empreiteiras, construtoras, eletricistas e fornecedores de equipamentos para construção. 

Apesar de atuações diferentes, todos podem se relacionar em serviços de obra e criar materiais para esses parceiros pode ser bastante relevante para ganhar autoridade na web.

Isso pode expor a marca de elevadores de cargas a um público diferenciado, e aumentar o tráfego para os blogs de ambas as partes, além de proporcionar engajamento e autoridade. 

A construção de relacionamento no campo em que atua, ao fornecer o próprio blog, também faz parte do co-marketing, reunindo novos conteúdos de especialistas convidados. 

Outro valor está na geração de backlinks, que fornecem benefícios de SEO (Search Engine Optimization), ou otimização do motor de busca, para ambos os lados. 

Conclusão

A concorrência está mais acirrada do que nunca. Com isso, as organizações estão competindo com âmbito local, nacional e internacional, além do ambiente virtual, por meio de e-commerces e marketplaces. 

A transformação digital, a computação em nuvem, a Inteligência Artificial, a Internet das Coisas, permitem que muitas empresas, das menores às maiores, possam se adaptar às mudanças de hábitos dos consumidores. 

Isso porque os modelos de negócio, como a  avaliação e perícia na construção civil, as transformações no segmento industrial, comercial e de serviços estão mudando, e por isso o marketing também precisa evoluir e acompanhar os acontecimentos em todos os sentidos, mesmo que favorecendo ações em parcerias.

As empresas que se juntam e implementam o co-marketing fortalecem a combinação entre liderança de pensamento e posicionamento no mercado, a geração de leads, o SEO mensurável e as análises que percorrem todas as estratégias de uma campanha publicitária. 

Por fim, a parceria se mostra como uma maneira excelente de fortalecer posicionamentos e combinar estratégias para obter os melhores resultados quanto ao alcance de público, fortalecimento da marca e se destacar perante a concorrência e os consumidores finais. 

Esse texto foi originalmente desenvolvido pela equipe do blog Business Connection, onde você pode encontrar centenas de conteúdos informativos sobre diversos segmentos.

Deixe uma resposta

    Precisa de ajuda? Converse conosco

    Damos valor à sua privacidade

    Nós e os nossos parceiros armazenamos ou acedemos a informações dos dispositivos, tais como cookies, e processamos dados pessoais, tais como identificadores exclusivos e informações padrão enviadas pelos dispositivos, para as finalidades descritas abaixo. Poderá clicar para consentir o processamento por nossa parte e pela parte dos nossos parceiros para tais finalidades. Em alternativa, poderá clicar para recusar o consentimento, ou aceder a informações mais pormenorizadas e alterar as suas preferências antes de dar consentimento. As suas preferências serão aplicadas apenas a este website.

    Cookies estritamente necessários

    Estes cookies são necessários para que o website funcione e não podem ser desligados nos nossos sistemas. Normalmente, eles só são configurados em resposta a ações levadas a cabo por si e que correspondem a uma solicitação de serviços, tais como definir as suas preferências de privacidade, iniciar sessão ou preencher formulários. Pode configurar o seu navegador para bloquear ou alertá-lo(a) sobre esses cookies, mas algumas partes do website não funcionarão. Estes cookies não armazenam qualquer informação pessoal identificável.

    Cookies de desempenho

    Estes cookies permitem-nos contar visitas e fontes de tráfego, para que possamos medir e melhorar o desempenho do nosso website. Eles ajudam-nos a saber quais são as páginas mais e menos populares e a ver como os visitantes se movimentam pelo website. Todas as informações recolhidas por estes cookies são agregadas e, por conseguinte, anónimas. Se não permitir estes cookies, não saberemos quando visitou o nosso site.

    Cookies de funcionalidade

    Estes cookies permitem que o site forneça uma funcionalidade e personalização melhoradas. Podem ser estabelecidos por nós ou por fornecedores externos cujos serviços adicionámos às nossas páginas. Se não permitir estes cookies algumas destas funcionalidades, ou mesmo todas, podem não atuar corretamente.

    Cookies de publicidade

    Estes cookies podem ser estabelecidos através do nosso site pelos nossos parceiros de publicidade. Podem ser usados por essas empresas para construir um perfil sobre os seus interesses e mostrar-lhe anúncios relevantes em outros websites. Eles não armazenam diretamente informações pessoais, mas são baseados na identificação exclusiva do seu navegador e dispositivo de internet. Se não permitir estes cookies, terá menos publicidade direcionada.

    Visite as nossas páginas de Políticas de privacidade e Termos e condições.

    Importante: Este site faz uso de cookies que podem conter informações de rastreamento sobre os visitantes.